sexta-feira, abril 13, 2007

Desculpem lá…




Para dar seguimento ao meu último post que foi bem lamechas…

Os teus olhos lindos e castanhos
Preenchem-me com sentimentos estranhos
E afagam-me o coração
Afastando por completo dor e solidão


Hum…
Não. Assim não está bem.
Não neste blog.
Talvez no meu…
Neste tem de ser mais ou menos assim:

Aos teus olhos cor de cocó
Digo: - ajoelhem-se e façam-me um bóbó
Que mais há para dizer
Se não um: - vá lá, vamos foder

Um bom bico está para um minete
Como uma boa mão que me abala o pirete
Julgas que sou ordinarão
Por apenas te querer comer o bujão?

Instantes antes… um turbilhão de sentimentos
E quando o orgasmo atinjo… vou até aos sete ventos
As palavras que escrevo são feias. Alguém acha?
Então pergunto… preferem cona ou pachacha?

E com isto digo adeus
Sem querer ofender sentimentos seus
Ainda de referir
Que escrevi isto sem me rir

Queria escrever algo de jeito
Mas nada me saía a preceito
A pensar e pensar a noite inteira
Fiz ferida de tanto coçar a cremalheira

Agora a sério… peço perdão
Estou ciente que perdi a razão
E depois de todo este trabalho
Podem todos dizer
Não me vão ofender
Galinha… - vai para o caralho

3 comentários:

NunoSioux disse...

Lol Tenho a dizer que me parti a rir!!! Isto saiu bem do fundo do teu escroto!! Bonito isso!!
PS: Olha pá Vai pro caralho!!!!

apleman disse...

Opah ja podias fazer disto uma musica de Hip-Hop, rima e tudo!!!

Xana disse...

É um poema intenso como o cara***** sim senhor!!!
Bjoca!!!